R.P.G.: saiba do método fisioterapêutico de reorganização do corpo físico

Série: Conheça os cuidados para saúde e bem-estar oferecidos no Espaço Júlio Zorzetto

Crédito: Mundo da Fisioterapia

A R.P.G. – Reeducação Postural Global é mais um recurso terapêutico manual oferecido no espaço JZPT, que visa – de maneira objetiva, auxiliar o paciente na busca pela postura correta. O método fisioterapêutico se aplica a todas as patologias que demandam fisioterapia, como por exemplo: maus hábitos posturais ou profissionais, mudanças congênitas e adquiridas, fatores emocionais, músculos estáticos em estado patológico que se retraem ou encurtam, lesões articulares, inflamações, como Bursite, doenças respiratórias, dores em geral, entre outras. Por conta disso, causam desvios posturais no corpo, que são solucionados pela R.P.G.

Um dos diferenciais do método é seu tratamento focado no indivíduo e não na doença em si, de forma global. Se baseia nos princípios de individualidade: cada ser humano é único e reage de formas distintas; causalidade: busca a verdadeira causa do problema, para tratá-la diretamente; globalidade: processo feito no corpo como um todo, identificando os motivos das retrações musculares nas doenças musculoesqueléticas. Resumidamente, a R.P.G. identifica e alonga os músculos responsáveis pela alteração postural.

Reprodução

Após anamnese, o método é realizado pelo fisioterapeuta e proprietário do espaço Júlio Zorzetto e as sessões duram, em média, 1h, variando entre auto posturas. Como dito, as posturas são variadas e vão desde sentada, deitada e em pé, buscando evitar e aliviar diversos tipos de dores. Com isso, promovem alongamento da musculatura e contribuem para dar mais forma ao corpo. Conforme a periodicidade das sessões, os benefícios para a saúde do paciente são inúmeros, como melhora na respiração e na postura – se portando de maneira equilibrada, e ainda previne problemas futuros gerados pelo desequilíbrio postural adquirido ao longo dos anos. Segundo especialistas, “os resultados aparecem em torno da décima sessão e atingem sucesso em até 90% dos casos”.

JZPT

Quer saber mais do recurso terapêutico manual? Agende um horário e conheça o espaço JZPT. Além da R.P.G., são ofertadas aulas de Pilates e terapias como Drenagem Linfática Manual, Quiropraxia e Quick Massage. Também oferece as terapias integrativas e complementares, como a Massagem Relaxante Terapêutica (MRT) Tradicional, MRT Aromática e MRT Aromática com Reiki. O espaço ainda disponibiliza Auriculoterapia, Cromoterapia, Reiki Mikao Usui e Reiki Xamânico Estelar. Já foram criados sete conteúdos dos nossos serviços, que podem ser conferidos aqui no blog.

Aproveite esse ambiente de recuperação e bem-estar. Encontre sua terapia preferida e marque seu horário!

RPG, reeducando sua postura globalmente.

RPG 3

Esta semana recebi em minha residência a revista mensal “Proteste Saúde” e para minha alegria e surpresa ela dedicou 3 páginas para falar do RPG. Assim, me inspirou o próximo tema para falarmos aqui para vocês.

Aqui no site falo o que é a técnica (acesse clicando aqui), curiosidades e muitas outras coisas. Mas para introduzir o assunto, vou retornar ao que é o RPG.

 

O que é?

A Reeducação Postural Global (RPG) é um método fisioterapêutico revolucionário, nascido da obra ‘O Campo Fechado’, publicado por PH. Souchard em 1981, na França, após 15 anos de pesquisa no domínio da biomecânica.

Atualmente, a RPG é ministrado aos fisioterapeutas por Phillipe E. Souchard e sua equipe em 15 países, incluindo o Brasil, onde, na cidade de São Paulo, criou o Instituto Philippe Souchard, em 1999. Já formou mais de 25.000 fisioterapeutas em várias partes do mundo. Por sua eficácia e abrangência, vem ganhando notabilidade no meio científico, o que colabora para sua consolidação.

Os tratamentos são individuais e duram cerca de 1 hora, podendo ser praticados para prevenção e manutenção através das Auto Posturas.

Que tipo de doenças a RPG trata?

Ortopédicas: Pés planos e cavos, joelhos valgos (em x) ou joelhos varos (do cowboy), joanetes, escoliose (desvio da coluna vertebral), dores cervical, dorsal e lombociatalgia(dor ciática);
Neurológicas:  Hérnia de disco e labirintite;
Reumatológicas: Artrites, artrose, bursite e tendinite;
Respiratórias: Asma e bronquite;
Somáticas: Estresse, distúrbios circulatórios e digestivos;
Ocular: Estrabismo.

Como é feito o tratamento?

O tratamento é feito em consultas de 1 hora ou mais, em geral uma vez por semana, podendo ser necessário, em alguns casos, acelerar para duas vezes por semana (nas escolioses graves, dores em situações agudas, pessoas frágeis, enfim, adaptações). Dependendo do problema, pode ser necessária apenas uma sessão (no caso de uma lesão recente) ou muitas (numa escoliose infantil, que terá que ser “vigiada de perto” e acompanhada durante todo o crescimento). A duração do tratamento também varia muito, pois depende do que há a corrigir. Mas logo na primeira consulta, quando se faz a primeira avaliação, pode-se ter uma primeira previsão do tempo que será necessário.

Quem encaminha a pessoa a um profissional de RPG?

Muitos médicos, em todos os países onde a RPG está presente, enviam-nos pessoas para tratamento. Outros vêm por indicação de amigos que já fizeram o tratamento. E outros ainda, porque já tentaram de tudo, sem obter melhoras significativas. E porque ouviram falar do método e dos bons resultados.

Qual formação deve ter um profissional de RPG?

Para fazer o curso de RPG, é necessário ser fisioterapeuta já formado. O curso básico de RPG tem a duração de cinco semanas, com 300 horas aula. Completando o curso básico, o profissional da área pode continuar a sua formação em RPG seguindo a evolução do método através de reciclagens gratuitas nos cursos básicos e fazendo os cursos avançados, que visam aprofundar os conhecimentos e o modo de tratar, em patologias específicas como a escoliose e patologias articulares, cursos de interpretação de exames radiológicos, preparação para o parto, entre outros. Para formar um bom profissional, são necessários alguns anos de prática purista e aí está a maior dificuldade: alguns começam a praticar, mas, diante de um caso mais complicado, não aceitam o desafio de procurar suas deficiências e “fogem” do problema, buscando soluções mais fáceis em outras técnicas e misturando-as à RPG. É o fim. Acabam abandonando ou “criando novas técnicas”, que chamam de RPG qualquer coisas. Os resultados são proporcionais.

RPG pode ser aplicada a mulheres grávidas?

Não há inconvenientes em aplicar as técnicas de RPG em mulheres grávidas quando há a necessidade de tratamento. Nesse caso, a futura mamãe receberá uma atenção individual e adaptada à sua condição, o que não ocorre, necessariamente, em outros tipos de tratamento. Realizamos todo um trabalho de preparação para o parto e recuperação pós-parto, que se baseia nos princípios biomecânicos da RPG, uma técnica bastante original, reconhecida por muitos médicos, obstetras e, melhor ainda, aprovado pelas mulheres que experimentaram.

Espero que tenham gostado e, caso tenham dúvida ou queiram saber mais curiosidades sobre o assunto, deixem seu comentário ou entrem em contato com os meus canais e e-mail.

Gratidão.