Vivência Xamânica: ancestralidade, resgate e meditação ao som do tambor

imagem da internet

Claro que o Xamanismo engloba muitos outros elementos além desses do título, e a Vivência Xamânica não é diferente. No último dia 15 de junho, oferecemos essa especial experiência no espaço Júlio Zorzetto Pilates e Terapias (JZPT). O foco da Vivência estava na cura do ser, e através de um resgate, proporcionou o sentir das dores, o acolhimento e o perdão.

O processo de cura contou com o apoio dos elementais da natureza – Água, Terra, Ar e Fogo, reconexão com Gaya – nossa Mãe Terra, Pai Céu, Avô Sol e Avó Lua, além do som terapêutico do tambor. Na primeira parte, foi apresentada uma breve introdução com as quatro direções (Norte, Sul, Leste e Oeste), e posteriormente uma explicação sobre cada elemento da natureza.

As meditações guiadas trouxeram um contato profundo com o eu verdadeiro, evidenciando a visualização do que precisava ser curado, acolhendo, perdoando e promovendo a auto cura. O xamanismo é uma filosofia de vida que possibilita a percepção de que somos parte de tudo e de uma mesma família universal.

Os toques do tambor, ora mais intensos ora mais leves, com seu som curativo, encaminhou os presentes para as grandes reflexões. O som se assemelha às batidas do coração, estimula relaxamento, resgate e conexão com a ancestralidade e interiorização. Os efeitos positivos do tambor são comprovados cientificamente: diminui o estresse, a ansiedade, alivia as dores físicas e emocionais. Confira mais no post do blog Importância do Tambor na Vivência Xamânica. “A viagem xamânica é para que as pessoas encontrem algumas respostas, de alguma forma trabalha o inconsciente. Procuro sugerir uma busca, um encontro e um renascimento”, explica Júlio Zorzetto, condutor de toda vivência. Na ocasião, também foi feito defumação com ervas para energizar e limpar o ambiente. Todos os eventos do espaço JZPT podem ser conferidos pela página do Facebook.

Deixe um comentário